Torcedores do Vasco são espancados por supostos torcedores do Flamengo

Dois torcedores do Vasco da Gama, identificados como Jeferson Oliveira, de 21 anos, e Jorge Alexandre da Cruz, de 30 anos, foram espancados por supostos torcedores do Flamengo em um posto de gasolina, no bairro Vila São Luís, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, na noite desta quarta-feira, ao tentarem ir para o jogo.

Segundo familiares das vítimas, eles estavam indo em direção a Rodovia Washington Luís, onde iriam pegar um ônibus em direção a Avenida Brasil, e, posteriormente, outra condução para o Estádio São Januário, onde o Vasco jogou, na noite desta quarta-feira, contra o Botafogo.

No entanto, no caminho Jeferson e Jorge foram surpreendidos por um grupo de homens, que segundo os familiares eram torcedores do Flamengo. Essas pessoas teriam dito que iram bater nas vítimas.

— O Jeferson e o Jorge ouviram um dos torcedores do Flamengo dizer que iria bater neles, que, automaticamente saíram correndo e tentaram de proteger em um posto de gasolina. Mas não conseguiram, e o torcedores do Flamengo começaram a espancar eles. Meu irmão quebrou o braço e teve um corte na cabeça. Mas está fora de perigo — disse Gelson Oliveira, 28 anos, irmão de Jeferson, que está internado no Hospital Municipal Doutor Moacyr Rodrigues do Carmo, também em Duque de Caxias.

Jorge também teve ferimentos na cabeça e está internado no Hospital Estadual Adão Pereira Nunes, na mesma região. O estado de saúde dele é estável e ele não corre risco de morrer. No entanto, ele permanecerá as próximas 24h na unidade de saúde em observação.

Jeferson também passou pelo Adão Pereira Nunes, para fazer exames, mas já retornou para o Moacyr do Carmo.

De acordo com Dark Santos, de 41 anos, irmão de Jorge, além de tudo que as vítimas sofreram, as pessoas que estavam no posto e no entorno do local chegaram a pensar que eles eram ladrões, informa o Extra.

— Eles estavam indo para a Washington Luís, que é perto da Vila São Luis, onde moramos, e isso tudo aconteceu. As pessoas viram dois homens correndo e do nada um monte de gente batendo nelas. Num primeiro momento pensaram que se tratavam de ladrões e que estavam dando um corretivo neles. Mas eram meu irmão e um amigo apanhando sem motivo. Ele está lúcido e o estado de saúde dele é estável. Graças a Deus fora de perigo — contou Dark.

Em um vídeo divulgado por meio de redes sociais, homens aparecem retirando duas pessoas de dentro de um carro e batendo nelas com madeiras e dando pontapés. Jeferson e Jorge eram as pessoas que estavam no automóvel. Eles, segundo os familiares, entraram no veículo para se protegerem dos torcedores do Flamengo, mas, não conseguiram.

A dona do veículo que aparece no vídeo foi prestar queixa na 59ª DP, no Centro de Duque de Caxiais. Ela não teve a identidade revela, mas teria dito a polícia que, além do carro ter sido depredado na confusão, bens que estavam no veículo foram roubados.

De acordo com Dark, assim como a dona do veículo, assim que deixar o hospital, Jorge também deve ir na delegacia para prestar queixa contra os supostos torcedores do Flamengo.

17/10/2019

(Visited 3 times, 1 visits today)