Brasileiros são flagrados cometendo assédio em mais 2 vídeos

Torcedores com camisetas da Seleção Brasileira e que vieram à Rússia para acompanhar a Copa do Mundo no país cometeram novos casos de assédio contra mulheres nos últimos dias. Os vídeos, disseminados em grupos de WhatsApp, são parecidos e foram gravados por mineiros, o que levou a Defensoria Pública do estado a pedir explicações e punições aos envolvidos.

Neles, homens pedem para russas repetirem frases de cunho sexual. O caso ganhou nova proporção a partir da denúncia feita por Alyona Popova, advogada e ativista russa, que pede punição rigorosa dos episódios, revela o Terra.

“Ninguém pode humilhar as russas desta forma”, escreveu Alyona em sua petição. Segundo a advogada, a ofensa tem uma relação direta com “nacionalidade e gênero”. “Gostaria que esses cidadãos fossem punidos”, escreveu.

Em relação aos novos vídeos, o primeiro foi produzido por Leandro Dias, de Montes Claros, Minas Gerais. Nas imagens, ele comete assédio contra uma estrangeira (não fica claro nas imagens se a vítima é russa). O caso deixou os moradores da cidade mineira em choque e Leandro foi muito criticado nas redes sociais.

22/06/2018

(Visited 19 times, 1 visits today)